·

Como ter o melhor SEO

Atualmente ter um site bem posicionado no Google é fator chave para ter menos custos em marketing e um público maior em seu site, o que pode representar mais vendas e clientes ao longo do tempo.

Índice

Introdução

Não sou especialista em marketing digital, mas a todo momento como desenvolvedor me deparo com essa questão, inclusive é um dos aspectos chave na construção da Webei, já que todo site na plataforma deve ter um bom posicionamento e dentro do que podemos e temos influência, fazemos de tudo para oferecer o melhor e quero expor um pouco do conhecimento que obtive ao longo dos anos para que você possa entender e maximizar o SEO do seu site (as partes que cabem a quem cria e mantém o site atualizado).

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, ou otimização para sistemas de buscas. Aqui não falamos de nada pago, esqueça por um momento Google Ads, muita gente associa SEO com ele mas não existe nenhuma relação direta, já que a otimização que falamos aqui é para ser encontrado no buscador e não para anunciar nada nele e é aqui onde a Google entra, ela é hoje o maior sistema de buscas usado no mundo e por isso até essa confusão de SEO e Google Ads.

A missão do Google e onde entramos nessa

Segundo a Google sua missão é “organizar as informações do mundo para serem universalmente acessíveis e úteis para todos” e é isso o que o buscador deles faz, nem mais e nem menos do que isso (com alguns anúncios do Google Ads para ganhar um dinheiro em troca) e por conta disso o Google tenta apresentar em seus resultados sites que aparentam ser agradáveis de se usar e principalmente com bom conteúdo.

Para a primeira parte, aprimoramos a velocidade dos sites para serem rápidos de carregar em diferentes dispositivos (celulares, tablets e computadores) nesse aspecto a própria Google, que não costuma passar muitas informações sobre suas formas de métrica, já falou que tem grande influência, a Webei utiliza métodos de cacheamento e diversas otimizações em nossos servidores para isso, mas ainda cabe em ultima instância a quem faz cada site, tomar cuidado com a forma como faz para não carregar nada muito além do necessário para cada página, tornando o carregamento mais rápido. A segunda parte, relacionada ao conteúdo é o que realmente difere cada site e em muito, é o que posiciona cada site para cada busca.

De tempos em tempos a Google (e outros sistemas de buscas) entra em cada site e tenta identificar e catalogar seu conteúdo para identificar sobre o que é e para que tipo de busca deve mostrar, uma ferramenta muito boa para entender o que a Google vê em seu site é o Google Search Console inclusive, e devemos nos esforçar para mostrar tudo o que é preciso para que uma pessoa procurando por “gatinhos felizes”, encontre o site da sua petshop que quer deixar os gatinhos de seus clientes felizes, note que em toda essa busca, o mais importante é que seu site mostre que seu objetivo é o de deixar gatos felizes (não se preocupe, a Google cuida do diminutivo para você aqui, eles são inteligentes) e por consequência isso deve ser exposto em seu site.

Como ter um site na primeira página do Google

Um site com bom SEO não é apenas tecnicamente bem construído e é ai onde muitas pessoas também se confundem. um site pode ter apenas um texto simples em cada página e ser extremamente básico, mas pode ter cada vez mais conteúdo e visitas mesmo sem pagar por isso e ter mais visitas que um site lindo e maravilhoso mas que não atualiza seu conteúdo a anos, isso é o alicerce do Marketing de Conteúdo, pode ser lento mas com o tempo pode trazer resultados incríveis e uma ótima forma de começar isso, é montar um simples blog para expor suas ideias e as da sua empresa, além de claramente, ter toda uma estrutura de páginas bem definidas para apresentar seu negócio.

Seja Redundante

Quando falamos de SEO, temos que entender que redundância é bom, isso enfatiza o que seu site é e sobre o que ele está falando, só tome cuidado com isso pois muita redundância pode tornar a leitura de seu conteúdo chata e tediosa, mas se existem diferentes nomes para o seu serviço, não interessa que você goste mais de um do que de outro, você deve, de alguma forma bem escrita, colocar todos os nomes que puder, pois isso relaciona seu site para todos eles, por mais que a inteligência do google consiga em vários casos relacionar eles sem você especificar.

Meta Tags

Sempre que um sistema de buscas acessa seu site, ou mesmo aplicativos como o Whatsapp ou Facebook quando você compartilha um link, esse é o primeiro “lugar” onde eles procuram conteúdo, se existirem, elas podem definir a imagem para posts no Facebook, a descrição de uma página personalizada para o Google não usar um texto aleatório, o título da página e mais diversas outras informações.

Uma recomendação relativamente controversa mas que eu faço é para não adicionar descrição para o SEO em casos onde sua página é formada integralmente por texto, como uma página de blog. Dessa forma o Google pode retirar uma parte mais coerente do seu texto relacionando com a pesquisa feita por outra pessoa. Para esse tipo de caso o resultado pode ficar melhor e mais sobre medida para cada busca.

Se seu site está na Webei, você pode configurar essa parte de conteúdo para todo o site na opção SEO no menu esquerdo do painel do seu site e para cada post ou página é possível adicionar opções personalizadas na opção SEO na barra superior do editor de textos.

Conteúdo de qualidade

O conteúdo das suas postagens deve ser algo de qualidade, que possa captar a atenção do leitor e que seja compartilhável por eles. O Google busca cada vez mais identificar o que é verdadeiramente um bom conteúdo e tenta oferecer isso como resposta.

Tente ao máximo e dentro do possível, referenciar seu conteúdo com sites de renome e que sirvam como referência tanto para o leitor quanto para a Google entender que seu site é coerente e busca passar informações verdadeiras sobre um assunto.

Para seu site Webei, você pode adicionar links como esse em qualquer texto feito com o editor de textos, basta selecionar o texto desejado para se tornar o link e na barra superior selecionar a opção “Link” (um ícone ao lado das opções de negrito e itálico por padrão) e caso queira, pode adicionar a conta de outras pessoas em seu site na página “usuários” e dar permissões para que essas pessoas possam fazer postagens em seu blog.

A utilização dos Títulos

Dentro do HTML (linguagem de marcação usado para todos os sites na internet) existem as chamadas tags, onde definimos conteúdo dentro, todo o conteúdo existente em qualquer site é definido dessa forma e estilizado com CSS como explicado em meu último post e essas tags podem definir desde divisões simples até imagens, vídeos e objetos específicos do HTML5. Entre esse conteúdo existem as tags textuais definidas por títulos, parágrafos e listas sendo que os títulos são definidos com a letra H seguidos de um número que vai do 1 até o 6 (mais para menos importante respectivamente).

Uma coisa que deve ser observada é que nenhuma página deve possuir mais que um título com a tag H1, pois é ai onde reside o título da página, mas podem ter tantos H2, H3, etc quanto precisar e usando eles você garante tanto uma melhor padronização do seu conteúdo quando uma melhor legibilidade, tanto de buscadores quanto de quem acessa seu site. Pode ver que nesse post, o título utiliza H1, os títulos de cada parte possui um H2 e essa parte em que estamos possui outros títulos menores usando H3.

Na Webei, o Ideal é definir em seu tema a área do título da página, dessa forma o H1 não é utilizado no editor, e todo título no editor é criado como H2 mas pode ser convertido em qualquer outro tipo de acordo com sua necessidade.

Use imagens de forma correta

As imagens são muitas vezes boa parte do conteúdo de uma página e também são indexadas pelo Google e usadas como conteúdo e para facilitar essa indexação você pode dar títulos e conteúdos alternativos para uma imagem (descrever o que ela é de uma forma simples), isso assegura tanto uma boa indexação de uma imagem quanto uma melhor acessibilidade do site (leitores usados por deficientes visuais usam essas configurações na imagem para descrever a imagem).

Outro ponto a ser observado é que imagens podem afetar negativamente o carregamento de uma página, pois são baixadas no navegador ao acessar essa página. Os servidores da Webei trabalham da melhor forma possível para otimizar esse conteúdo, fazendo ficar o mais leve possível e carregando de forma assíncrona com o restante do conteúdo para pesar menos. Mas de qualquer forma e independente de onde seu site esteja, tente sempre usar o mínimo de imagens e vídeos possível, imagens são formas ótimas para mostrar conteúdo, embelezar um site e exemplificar, mas use com moderação.

Em nosso editor você acessa as configurações de texto alternativo e título ao adicionar uma imagem na página e já configura ela para todas as vezes que for usar essa mesma imagem.

Procure ser referenciado

Procure mostrar seu conteúdo e ser dado como exemplo em outros sites, da mesma forma que é bom utilizar referências de outros sites em seu conteúdo é ótimo ser usado como referência em outros sites pois isso diz para a Google e para outros leitores que você é uma referência nesse assunto e que faz sentido mostrar seu site em buscas relacionadas a ele. Só tome cuidado, se um site visto como conteúdo ofensivo ou mal visto pelo Google por algum motivo referenciar você, seu site pode descer um pouco no seu posicionamento.

Basicamente não é muito diferente de você perguntar para um conhecido seu sobre qual a melhor plataforma para criar sites profissionais, se ele for de confiança e falar “Webei” você já abre a sua conta, se ele só tiver sites feios e com conteúdo ruim… ai ele não fala “Webei”.

Compartilhe no facebook
Facebook
Compartilhe no twitter
Twitter
Compartilhe no linkedin
LinkedIn
Compartilhe no pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

From our blog

Latest articles

Como ter o melhor SEO

Atualmente ter um site bem posicionado no Google é fator chave para ter menos custos em marketing e um público maior em seu site, o que pode representar mais vendas e clientes ao longo do tempo.

Read More
Compartilhe no facebook
Compartilhe no twitter
Compartilhe no linkedin
Compartilhe no pinterest